Um dia para homenagear os bombeiros

428
Programação na região será realizada para celebrar a data

Data é celebrada neste domingo, dois de julho

O Informativo do Vale

Vale do Taquari – Você sabe por que dois de julho é considerado o Dia do Bombeiro e as corporações costumam fazer programações para receber a comunidade e esclarecer aspectos de prevenção?

Em abril de 1954, o então presidente Getúlio Vargas estabeleceu uma data para homenagear os bombeiros brasileiros e a data foi escolhida porque naquele dia, em 1856, foi criado o Corpo Provisório de Bombeiros da Corte no Rio de Janeiro por meio de um decreto assinado pelo imperador Dom Pedro II, a primeira unidade oficial de serviço de extinção de incêndio. Além do Dia do Bombeiro, também ficou estabelecida a Semana de Prevenção Contra Incêndios. Em março de 1895, foi criado o 1º Corpo de Bombeiros de Porto Alegre e do Rio Grande do Sul, na época chamado de “Companhia de Bombeiros de Porto Alegre”.

Abrangência
No Vale do Taquari, a primeira unidade foi oficialmente criada em 15 de dezembro de 1964, em Estrela. Atualmente, o Corpo de Bombeiros de Estrela atende à população de outras oito cidades além da sede da corporação: Teutônia, Bom Retiro do Sul, Paverama, Fazenda Vilanova, Imigrante, Colinas, Westfália e Poço das Antas. Já em 25 de abril de 2002, iniciaram as atividades do Corpo de Bombeiros Voluntários de Teutônia, que também atende ao município sede e às cidades de Paverama, Poço das Antas e Westfália.

Nesses municípios que compreendem a abrangência das duas unidades combatentes, as ocorrências, geralmente, são atendidas pelos bombeiros voluntários e, quando há necessidade, têm apoio do efetivo de Estrela. Os serviços, como vistorias e liberação de alvará, são feitos exclusivamente pelos bombeiros de Estrela.

Em 20 de dezembro de 2004, foi criado o Corpo de Bombeiros de Lajeado que atende, ainda, aos chamados de emergência de Marques de Souza, Progresso, Arroio do Meio, Boqueirão do Leão, Cruzeiro do Sul, Forquetinha, Santa Clara do Sul, Sério, Canudos do Vale e Pouso Novo. Exatamente dois anos depois, foi estabelecido o Corpo de Bombeiros de Encantado, que está sob o mesmo comando de Lajeado. A corporação também abrange as cidades de Anta Gorda, Arvorezinha, Coqueiro Baixo, Doutor Ricardo, Ilópolis, Itapuca, Nova Bréscia, Roca Sales, Putinga, Encantado, Muçum e Relvado.

Em Taquari, o quartel foi inaugurado em 13 de junho de 2014, como unidade militar dos bombeiros gaúchos. No entanto, as falta de recursos humanos fez com que a corporação se tornasse mista e contasse com militares e voluntários para atender às ocorrências de Taquari, Tabaí e Triunfo. No dia 11 de julho de 2015, os bombeiros voluntários Imicol reativaram os serviços para atender às demandas da comunidade de Imigrante e Colinas.

Saiba Mais
O Corpo de Bombeiros do Rio Grande do Sul começou como uma unidade vinculada à Brigada Militar. Por muitos anos foi discutida a possibilidade de separação da corporação para que as atividades administrativas e operacionais fossem independentes. Em março de 2014 o então governador Tarso Genro assinou a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 232 que previa a desvinculação dos bombeiros à Brigada Militar.

Três meses depois a proposta foi aprovada pela Assembleia Legislativa (AL) e, em julho de 2016, o projeto de lei oficializando a separação foi encaminhado pelo governo à AL. Desvinculado da polícia militar, o Corpo de Bombeiros tem gestão própria e direcionada à prevenção e combate a incêndios, atividades de defesa civil e busca e salvamento.

Programação
8 de julho: quartel do Corpo de Bombeiros Voluntários de Teutônia estará aberto à comunidade. Haverá brinquedos infláveis, sorteio de ação entre amigos e demonstração de equipamentos. As atividades ocorrem na sede da corporação, na Avenida Um Leste, 1025, no Centro Administrativo de Teutônia.