Rádio Guaíba: “Será que vale a pena morrer por R$ 450?” diz presidente de associação de policiais do RS após parcelamento e morte de PM

31d98d60-029a-45d2-86e3-0bff873659fbAbamf lamenta novo parcelamento de salários e morte de brigadiano após confronto com criminosos no norte do RS

A morte de um policial militar na madrugada deste sábado, vítima de confronto com criminosos em Erval Grande,motivou manifestação do presidente da Associação dos Cabos e Soldados da Brigada Militar (Abamf). Leonel Lucas lamentou o caso e disse que o descaso do governo gaúcho, que parcelou os salários do funcionalismo novamente, tem culpa na morte.

“Tá muito revoltante a situação. Não paro de receber ligação de brigadianos com a morte de um PM. E também o descaso do governador com tudo o que está ocorrendo. Até agora, nunca vimos ele lamentar a morte de um policial. Ao contrário, ele parcela salários e, principalmente, neste mês. Será que vale a pena morrer por R$ 450? A tropa está enlouquecida, para não dizer outra coisa”, afirmou.

Na segunda-feira, está prevista uma operação-padrão de policiais militares. Questionado sobre o pedido de impeachment de Sartori solicitado pelo Cpers, Lucas afirmou que apoia a solicitação.

Alternativa:

O presidente da Abamf também foi questionado sobre alternativas para pagar os salários. Leonel Lucas disse que o ideal seria não pagar o duodécimo a servidores do legislativo e do executivo.

“Quando se paga o ICMS, não diz que é só para um ou para outro setor. Isso é uma incoerência do governador. Se o cofre é único, ele tem que fazer a mesma coisa para todo mundo. Ou pagar todo mundo ou atrasar para todos.”, afirmou Lucas.

Fonte:Eduardo Paganella / Rádio Guaíba

5 Comentários

  1. TEM FUNDAÇÕES E ÓRGÃOS PÚBLICOS QUE NUNCA RECEBERAM PARCELADOS NA VIDA,ENTRE ELAS A FDRH.O GOVERNADOR DEVIA TOMAR UMA ATITUDE E PARCELAR O SALÁRIO DE TODAS ESTAS FUNDAÇÕES E DEIXAR A BM DE FORA,PAGANDO SEUS SALÁRIOS INTEGRALMENTE.O PM ARRISCA A VIDA DIARIAMENTE,RECEBE UM SALÁRIO QUE NÃO É DIGNO DE SUA FUNÇÃO E AINDA TER SEU SALÁRIO PARCELADO ENQUANTO TÊM MUITOS ÓRGÃOS QUE RECEBEM EM DIA,QUE NÃO SÃO NADA IMPORTANTES?A FDRH SÓ TEM ESTÁGIOS AGORA,PODE FACILMENTE OUTRO ÓRGÃO DESEMPENHAR ESTA FUNÇÃO, E RECEBE SEMPRE INTEGRAL.A BM ARRISCANDO A VIDA CONTRA ESTES MARGINAIS E AINDA A JUSTIÇA MANDANDO SOLTAR OU PERMITIR SAÍDAS PARA VISITAR FAMÍLIA,DE NATAL,DIA DOS PAIS,DAS MÃES,DO TIO,DA TIA,DO PADRE,ETC…E OU RESPONDEM EM LIBERDADE,ATÉ POR CRIMES HEDIONDOS E MENORES ASSASSINOS,MONSTROS,ENVIADOS A FASE.INADMISSÍVEL ISSO.TUDO ERRADO.A BM NÃO PODE MAIS TER SEUS SALÁRIOS PARCELADOS.PARCELEM TUDO,MAS A BM NÃO PODE.ESTÃO DE BRINCADEIRA.

    • Os políticos que administram nosso país. Sao os unicos responsaveis pelo povo estar nesta situaçao…. Só isto…… estao se lixando para populaçao… Muito menos pagar um salário digno a que recebe parcelado como policias…. Que ariscam suas vidas todos dias pela sociedade….esta é. A recompensa do governo a seus funcionários. … Policial é apenas mais um… Uma matrícula. …. Vergonha….

  2. Isso é ridículo falta de respeito e consideração com os policiais que são humanos precisam dos seus salários para sobreviver, enquanto os políticos ficam ganhando aumento de salários e ostentando vida de luxo, a hora que seus filhos cairem na mão dos bandidos aí sim vão se alertar e mudar as leis e considerar os funcionários…

  3. Com todo esse movimento, com tudo que o governador de araque não PAGA…”PQ” a Brigada Militar sempre quebra e FURA as PARALIZAÇÕES e continuam trabalhando?

  4. Ñ vejo problema nenhum de a brigada parar suas atividades até o governo cria vergonha na cara, tendo em vista q eu ñ trabalho sem receber, ñ posso cobrar algo diferente, o serviço da brigada é fundamental e ñ deveria parar, mas essa palhaçada faz tempo q passou do limite, se ñ bastace o salário, perseguindo vagabundo de vtr 1.0 e atirando de 38, e levando tiro de fuzil.
    Só alguém muito retardado pra ver q ñ tem cabimento o momento q passa a segurança no estado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *