Policial Militar sofre atentado em Alvorada

204
Suspeito tem antecedentes por roubo, porte de arma, violência doméstica, receptação e adulteração de sinal veicular | Foto: Mauro Schaefer
Suspeito tem antecedentes por roubo, porte de arma, violência doméstica, receptação e adulteração de sinal veicular | Foto: Mauro Schaefer

Homem estava na frente da residência quando foram efetuados três disparos

Um policial militar (PM) sofreu uma tentativa de homicídio no início da noite de sexta-feira, em Alvorada, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Ele estava na frente de sua residência com familiares quando um homem, acompanhado de outros dois, efetuou três disparos contra a casa. Ninguém foi atingido.

O PM reconheceu o veículo e o criminoso, e chamou a polícia. O suspeito, de 29 anos, que mora no mesmo bairro em que os disparos aconteceram, foi preso em flagrante. Ele já havia sido preso duas vezes pela vítima, o que teria motivado o atentado. O veículo foi encaminhado à perícia.

Segundo o delegado Leônidas Cavalcante, da Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), que atendeu à ocorrência, revelou que o suspeito tem antecedentes por roubo, porte de arma, violência doméstica, receptação e adulteração de sinal veicular. 

“Ele ainda resistiu à prisão e causou danos a viatura”, afirmou o delegado. O homem será acusado por tentativa de homicídio qualificado, resistência, desacato, ameaça e dano ao patrimônio público. “Na chegada à delegacia, o suspeito ameaçou a vítima e outros policiais”, revelou.

Correio do Povo