GAÚCHA: BM tem mais de 170 PMs em curso e Polícia Civil tem mais de 220 policiais convocados

158
178 brigadianos aprovados em concurso, após saída de PMs temporários, já estão em curso Foto: Diego Vara /Agencia RBS
178 brigadianos aprovados em concurso, após saída de PMs temporários, já estão em curso
Foto: Diego Vara /Agencia RBS

Para tentar amenizar o problema de efetivo, o governo gaúcho agiliza para deixar aptos ao trabalho cerca de 400 policiais até o final de dezembro deste ano. Para isso, 178 PMs já estão em curso e 223 agentes foram convocados para realização de matrículas.

Os brigadianos foram nomeados para compensar a saída, em fevereiro, do mesmo número de PMs temporários. O curso é de oito meses, mas o comando da Brigada Militar (BM) diminuiu o período de folga na semana para que o treinamento seja realizado em menos tempo e sem prejuízo de conteúdo ou de aulas práticas. Além disso, eles irão para as ruas acompanhados de policiais mais antigos. Além disso, outros 2 mil PMs aguardam, sendo 530 na primeira convocação que deve deve ocorrer entre este mês e fevereiro de 2017.

Em relação à Polícia Civil, os 223 agentes devem começar o curso já no dia 22 deste mês. O chefe de Polícia, delegado Émerson Wendt, diz que eles devem estar aptos ao trabalho já no final do ano. Entre eles, há 110 escrivães e 113 inspetores. Outros 220 agentes serão convocados no primeiro semestre do próximo ano e mais 220 no segundo semestre. O Piratini também deve nomear em 2017, depois de aplicar provas este ano, 106 servidores do Instituto Geral de Perícias e 700 agentes penitenciários.